Padrão de vida ou qualidade de vida?

A simplificação da vida passa, obrigatoriamente, pela escolha entre padrão de vida ou qualidade de vida. Naturalmente, aqueles que optam por uma vida simples irão privilegiar a qualidade de vida.

A definição teórica de padrão de vida “se refere à qualidade e quantidade de bens e serviços disponíveis a uma pessoa ou a uma população inteira”. No entanto, na prática, quando nos referimos a isso, estamos nos referindo a um estilo de vida que pressupõe um alto padrão em termos de bens e serviços, normalmente associado a status social, roupas e automóveis exclusivos ou de grifes caríssimas, local de residência privilegiado, restaurantes requintados, entretenimento de luxo e etc. Para se ter um bom padrão de vida é necessário ter um ótimo poder aquisitivo, pois somente com muito dinheiro se tem acesso a esses recursos.

A qualidade de vida, por sua vez, é definida como um “método usado para medir as condições de vida de um ser humano”. Esse termo teórico coincide mais com a realidade, pois em seu embasamento se engloba aspectos espirituais, físicos, mentais, psicológicos e emocionais, além de relacionamentos sociais. Para se ter qualidade de vida, você não precisa de dinheiro propriamente dito, basta uma predisposição para viver com mais qualidade e simplicidade. Escolhas acertadas associadas a uma determinação pessoal são suficientes para se obter a qualidade de vida com parcos (ou nenhum) recurso financeiro adicional.

A vida simples não exige de nós grande quantidade de recursos financeiros, na realidade, para se viver dessa forma precisamos mesmo é de qualidade de vida. A simplicidade exige apenas que priorizemos a família, os amigos, a espiritualidade, a sanidade do corpo, da mente e da alma. Ser simples significa valorizar a natureza, os relacionamentos e a vida como um todo. Somente com a qualidade de vida alcançamos essas coisas.

A simplicidade, quando escolhida de forma voluntária, exige uma busca pela qualidade de vida em detrimento do padrão de vida. O padrão de vida é uma busca sem fim por realização pessoal  através de bens e serviços caros e exclusivos. Enquanto que a qualidade de vida é uma busca cíclica, assim como as estações do ano, que nos eleva o espírito e nos faz sentir melhor, tanto com os outros quanto com o planeta.

A escolha é sua! Um abraço e até o próximo artigo.

Anúncios

4 opiniões sobre “Padrão de vida ou qualidade de vida?

  1. Excelente reflexão. Ótimo artigo.

    Entretanto tudo depende da referência. A vida é vivenciada por referência. Algo é bom simplesmente porque já se tem referência de algo ruim ou inferior à aquilo que esta sendo considerado bom.

    Sendo assim, pessoas com alto poder aquisitivo podem também viver uma vida simples, com qualidade de vida, onde priorizam relacionamentos, sendo sustentáveis, pensando no próximo e etc. Porém tudo isto dentro do seu padrão de vida e classe social.
    Não necessariamente para se ter qualidade de vida tem que dispor de pouco ou abrir mão do recurso financeiro.

    Novamente, tudo depende do que está sendo utilizado como referência para determinada cirscustância.

O que você achou do artigo? Deixe sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s